segunda-feira, 5 de outubro de 2020

Diário

Adicionar legenda
Querido diário,

Desaprendi as palavras. As que me eram conhecidas, usuais, familiares, agora neste ano, envolveram-se em novo significado, tantas sumiram e outras tantas passam a fazer parte do cotidiano.
Diário, este que me desejei aqui escrever e que deveria ser diariamente, ficou assim tão espaçado. Meses, semanas tantas sem vontade de escrever.

Novo normal, distanciamento social, sanitização, pandemia, imunidade de rebanho... tudo o que passou a nos rodear, a conectar nossos neurônios numa nova lógica.

Quarentena, de dias infindáveis e hoje eu passei a caixa com o presépio para uma prateleira mais baixa, afinal já tem panetone no mercado.

No celular fotos tiradas no início da quarentena, quando eu me sentia estranha ao sair na rua vazia e mais estranha ainda em fotografar. Mesmo assim o fiz. Queria trazer um pouquinho de beleza para toda aquela estranheza.

Tudo parece meio desconexo. Fiquei sem jeito com as palavras, me deparei com mudanças no painel do blogger depois de tanto tempo sem vir aqui.

Receba o meu desejo de que vocês estejam bem, saudáveis de corpo, de emoções. Desculpem o mal jeito da postagem, queria mesmo voltar a encontrá-los.

6 comentários:

  1. Ana, que bom peguei o teu texto saindo do forno, ainda até com teu perfume... Estamos todos tão estranhos, tudo tão mudado...O que sabíamos ,parece não mais sabemos ou esquecemos... Tantas mudanças fora e dentro de nós. O cansaço toma conta. Mas a vida segue, tudo continua, enquanto as coisas não normalizam de verdade...E Sabe-se lá quando tudo será como antes . Quando ao planejarmos uma viagem com antecedência, teremos a certeza de poder concretizá-la? E o tempo, nem aí pra COVID...A despeito dela, manteve a correria e já estamos em outubro,sem nada ter vivido ainda desse ano! Tantas dúvidas... Mas não podemos desanimar...Embora há dias em que "caímos na "chon",rs...
    Adorei te ver chegando! Como estão as coisas? As "crianças"? beijos pra todos, tuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana Paula,
    Que lindas fotos!
    Este ano tão atípico, tantas mudanças e tanto estresse...
    Estou exausta, sem ninguém para ajudar com os serviços domésticos, trabalhando dobrado...
    Momentos de tristeza, angústia, tudo junto e misturado.
    Confiando que tudo vai passar.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  3. Bom dia de sábado, querida amiga Ana!
    Não sejamos vencidos pelo desânimo.
    Esteja bem e, na lucidez, viva bem com sua linda família.
    Tenha um ótimo dia abençoado!.
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. Ana,

    Que bom ter postagem sua aqui.
    A quarentena adormeceu algumas coisas para acordar outras.
    Adorei as fotos, revestidas de beleza simples e natural.

    Um abraço e desejo de que tudo esteja bem.
    Sônia

    ResponderExcluir
  5. O nosso vocabulário do dia a dia alterou-se, minha querida Amiga. Mas não podemos esquecer a esperança mesmo quando as sombras nos cercam... As fotografias são muito belas.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Aninha, tudo bem!
    Estou assim também, com o novo diferente, com o novo sendo reaprendido a cada dia...
    Sei-la, me sinto assim, muito focada no essencial da vida, deixando coisas um pouco de lado, apenas por falta de jeito, de tempo, de vontade as vezes, mas intensa em tudo que faço, sempre!
    Ameiii as fotos.
    Amo o blog, amo escrever, mas estou respeitando minhas vontades internas, as pausas talvez...
    Beijinhos
    Ju

    ResponderExcluir