terça-feira, 12 de setembro de 2017

Adeus dona Maria

São ovos fresquinhos, selecionados, direto da granja para sua mesa.
Venha correndo aproveitar dona Maria, é o carro do ovo passando na sua porta
São trinta ovos por apenas onze reais.
Pode chegar dona Maria, pode examinar sem compromisso
Que hoje a senhora leva trinta ovos por apenas onze reais
Venha correndo aproveitar dona Maria
Ovos graúdos de qualidade
É o carro do ovo passando na sua porta dona Maria

Desci para o passeio matinal do cãozinho e quase ocasionei um acidente: seu Sidney, o porteiro vinha entrando segurando uma bandeja de papelão verde-azulado contendo 30 ovos que quase foram parar no chão, quando eu e ele nos encontramos no estreito portão.
Risos, pedidos de desculpas e a recomendação por parte dele de que os ovos eram mesmo dos bons.

Eu já tinha ouvido o tal carro do ovo, mas nunca pus reparo realmente nele. Ou melhor, no som que sai por um alto-falante.
O carro é uma belina, cor de chumbo cintilante e fica lá estacionado por um tempo chamando, lembrando a dona Maria de comprar ovos. E que venha correndo dona Maria.

Foi seu Sidney que me falou do carro que chama por dona Maria. Eu sou Donana e achei bem ultrapassado o tal carro do ovo.
Não por ser belina. Por generalizar homens e mulheres, por reduzir-nos todos a dona Maria, por faltar com gentileza à todas as Marias.

Retrato de uma época a fala gravada que sai do alto-falante.
Um passado que não foi bom e serve para nos ensinar.

Meu pai, que Deus o tenha, já baixou ligeiro a manivela do vidro de sua brasília ocre e mandou um "vá cozinhar feijão dona Maria".

Retrato de uma época que não deveria ter existido, mas já que houve, sirva para nos ensinar a não reproduzir o mesmo erro do passado.

E por falar em ovos...
Adorei a novidade que eu trouxe do supermercado: uma caixa de ovos lindamente ilustrado com patinhas ( ou seria pezinhos de galinhas ) azuis escrito em letra bonita: galinhas livres de gaiolas.

Tem também a opção "passeio livre no campo", porém esse custa mais caro.

Penso em lançar produto similar escrito em cor laranja, que é a minha predileta:

Galinhas confortavelmente acomodadas em leiteiras antigas
Assim ó




7 comentários:

✿ chica disse...

Esse vendedor de ovos e suas falas...Pobres Marias, pobre mulheres...

Em compensação vou procurar as tais embalagens que falas com pés de galinhas...

E essa tua opção de recanto para elas e sua tranquilidade de ovos nos presentear é fabulosa!

Linda foto! Bom sempre te ler. Aparece mais seguido, tomara sobre o PC pra ti,rs... beijos,linda semana,tuuuuuuudo de bom,chica

Calu B. disse...

Grande idéia, tenho para mim, que será sucesso de vendas:ovos fresquinhos de galinhas confortavelmente instaladas. ;)

Ainda vemos, infelizmente, essas redundâncias preconceituosas a diminuírem a figura feminina. Creio que não será em breve que veremos tais manifestações serem extintas. Brasil, país-continental e machista!!!!

Estava com saudades tuas, Ana. A meninada só espichando, neh!
Linda semana pra ti.
Bjka,
Calu

Poesia do Bem disse...

Ai que saudade estava de te ler. E quem não ouviu o som desses caros , as pobres Marias
Aqui é 30 ovos por 10 reais rsrs

Mas minha mãe põe galinhas para chocar, livres no quintal, com asas bem aparadas, e elas podem dormir no poleiro, que é o pé de manga que elas vivem de dia embaixo, à noite pelos galhos

Pandora disse...

Genteeee que luxoooo essa galinha!!! Os olhos brilham só de ver ela assim confortavelmente acomodada sobre o seu ninho de ovinhos!!! Puro amor!!! E sim, sobre certas coisas de antigamente, como essa de reduzir todas as mulheres ao "Dona Maria" e tornar exclusiva das mulheres a função de comprar mantimentos como ovos, me pergunto todo dia quando vamos superar isso totalmente... espero que em breve...

Vane M. disse...

Ana, que legal seu texto! Faz-me lembrar dos carros de frutas que vez por outra passam nos bairros e de um que vende sonhos, por anos foi uma belina, rsrsrs, agora o "sonheiro" conseguiu comprar um carro melhor, rsrsrs, e olha.... que são 6 sonhos por 5 reais simplesmente deliciosos, uma nuvem!
Uma pena o rótulo que colocaram as Donas Marias como pessoas sem importância, sem vez nem voz. Como bem lembrou, algo a servir de lição sobre o que não se deve estimular.
Abraços!

Graça Pires disse...

Gostei muito do texto. A galinha está mesmo bem acomodada...
Uma boa semana.
Beijos.

Calu B. disse...

Ana,
voltei pra lhe fazer um convite imperdível: navegue, esmiuce, descubra e participe do site_ www.towriters.com. Acredite que lhe tará novos sopros, novos ânimos.Vc verá.

Bjos,
Calu