sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Fórmula 1


Não aprecio fórmula 1, e provavelmente seguirei assim. Porém, deparei-me com um fato que mudou o meu olhar para tal competição.
Desde o feriado, estou separando para reciclar revistas antigas que insistem em se multiplicar. Nenhuma comprada. Mas elas estão disponíveis nas farmácias, mercados, livrarias e eu vou trazendo para casa, sempre encontro artigos interessantes, vou deixando para ler depois e a pilha só faz aumentar!
E foi numa dessas revistas destinada à renovação via reciclagem que encontrei o tal texto que mudou meu olhar.
Minha vaga compreensão sobre o evento de fórmula 1 que anualmente acontece aqui em São Paulo, era de um autódromo cheio, hotelaria lotada e movimentação turística e gastronômica pela cidade.
E aí entra Cláudia Troncoso que está à frente da Abre – Associação Brasileira de Redistribuição de Excedentes.
Para ela a correria começa mesmo na segunda-feira pós-GP quando ela olha e fotografa mentalmente tudo o que as equipes deixaram para doação, como por exemplo: um sofá, um processador, sacos com gemas congeladas para fazer bolo, 12 mil minipizzas semiprontas e congeladas, sobras de latas de tinta de várias cores, pilhas e pilhas de garrafinhas de água.
Ela conhece cada instituição cadastrada e com sua memória de elefante, ela sabe para onde destinar cada doação: uma porta doada que vai para um creche que estava com a porta horrorosa, pedaços de carpete de áreas VIP, servirão de tapetes em um asilo; lonas para um quilombo, uma placa de propaganda de pista do autódromo, servirá para fazer a cobertura no quintal de uma escola.
Um olhar e tanto dessa pessoa que vê o que outros nem percebem.
E depois dessa corrida, tudo o que foi recebido pelas instituições é fotografado para que o doador veja o resultado.
Eu não conseguia perceber essa outra corrida dentro da fórmula 1. Uma outra maneira de olhar...

6 comentários:

✿ chica disse...

Com certeza esse é o melhor olhar e o que realmente faz bem!beijos,chica

Angi disse...

Que legal,não fazia a menor ideia também!
Não sou fã de fórmula 1 também, mas olhando desse ponto de vista agora torço por muitas corridas pelo mundo a fora!
beijos e bom dia!!

Coisas da Vida disse...

Já que os pilotos brasileiros não estão
Subindo nos pódios da formula 1
Temos em contrapartida Claudia Troncoso
Que esta sempre na frente.
Parabéns! Muito bom!
Uma ótima sexta-feira pra vc!
Beijos!

Patricia disse...

Puxa vida, também não sabia disso não.
Bom saber que essas coisas vão para quem realmente precisa.

Sobre seu comentário no meu post, eu não cheguei a fazer decalque, apenas ia à papelaria tirar xerox preta e branca.
Ah, às vezes usava a enciclopédia Mirador! rs

bjs e bom final de semana!

Débora disse...

Oi Ana!
São ato que muitas vezes muitos nem tem conhecimento.Admirável atitude!!
Bjão e um excelente final de semana por aí!!

Ivani disse...

Olá...passo correndo (como um carro de F1) para deixar um beijinho, um elogio ao gatão do post anterior (o maquinista) e um olhar mais atento à esses episodios que também não conhecia.
parabéns.