sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Escolas e árvores

Porque toda escola deveria ter uma jabuticabeira.







O sinal bate ( na verdade é uma música suave que toca ).
São 18h30 de uma sexta-feira.
Mas no caminho tem amigos, horário de verão e jabuticabeira.
Ninguém quer ir embora da escola.
Nem os alunos e nem os pais!
Escolhe aqui, estica o braço acolá.
E quando se dá conta já são oito horas da noite!




11 comentários:

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Ana Paula, e existe coisa melhor do que isso? Essa jabuticabeira super carregada consegue dar água na boca da gente.
Naturalmente deliciosa essa postagem.
Beijo,
Manoel

✿ chica disse...

Isso é muito bom mesmo! Concordo que seria lindo se todas escolas tivessem uma árvore assim ou qualquer outra onde as crianças pudessem subir, brincar um pouco por lá, coisa cada vez mais difícil nas cidades! beijos,chica

✿ chica disse...

Esqueci de dizer que as fotos, inspiradoras e lindas!!bjs

Rita disse...

Bom dia de sábado!!!!

Agradeço sua visita tão carinhosa
e desejo sempre o melhor pra vc
tenha um final de semana cheio de alegria com esse post divino, que
sempre enche nossos olhos de muita
alegria, essa jabuticabeira tinha que ser no meu quintal tbém rsrsrsr bjussss

Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!

Calu B. disse...

Ô delícias inesquecíveis,Ana: a escola, as jabuticabas e o sorriso das crianças.Gostosuras duma vida inteira.
No meu colégio( aquele do qual falei num post passado) tinha.

Belo e alegre fim de semana aí pra vc e toda família.
Bjkas,
Calu

Luma Rosa disse...

Esse post é para nos fazer lembrar de nossa própria história :) Eu tive uma jabuticabeira em minha vida!! Pena que não podemos salvar as árvores da nossa infância... Lembrei de um texto muito bacana falando de árvores da infância. Vou caçá-lo e trazer para você. É de um amigo muito querido.
A jabuticabeira da minha infância, foi arrancada e no seu lugar tem um prédio de 10 andares. Será que a terra suporta tanto peso?
Felizes as crianças que ainda podem conviver com árvores!
Beijus,

Luma Rosa disse...

Eu de novo...
Trazendo para você o texto do Vitório Nani.
Árvores da minha vida
+ Beijus,

Tina Bau Couto disse...

Vale jabuticabeira, laranjeira, limoeiro, desconfio que pés de frutas tem asas :)

"Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana, que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora e não foge de sua mortalidade.
Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade. O essencial faz a vida valer a pena e para mim basta o essencial."
Rubem Alves

Luís Fellipe Alves disse...

Que delícia! Jabuticabas fizeram parte da minha infância, mas não era na escola. Na escola tinha ipês amarelos que faziam aquele tapete natural no chão.

Adorei o pé. Parece não ter fim! :)

Patricia disse...

Q delicia!!
É o sonho da Isabela comer jabuticaba direto do pé. Enquanto não encontramos uma, vamos comendo as que vendem na feira. rs
Em breve compraremos o carro e poderemos ir para o sítio nos deliciar. Infelizmente não achei nenhum pé aqui perto de casa.
Bjs

Rovênia disse...

A-do-ro essas frutinhas! São tão perfeitas! Gosto de infância!
Um beijo e um queijo! :)