domingo, 16 de fevereiro de 2014

Aquecimento global


O dia hoje não está assim.
Ventos sopraram, o galinho rodopiou e finalmente choveu.
Ainda bem.
Nossos reservatórios de água estão em situação crítica, estamos com racionamento de água, mesmo com nossos políticos negando o fato, depois de um janeiro atípico sem chuvas e de um calor que, fazia anos, não se sentia.
Cientistas ainda debatem se existe mesmo o aquecimento global. Como na brincadeira infantil de cabo de guerra, de um lado os que acreditam, do outro, os que afirmam não existir.
Fico com as palavras da filósofa e escritora Viviane Mosé - ainda que não tivesse aquecimento global seria preciso inventar um boato de que ele existe; precisamos do aquecimento global.
Com todo o desconforto que se espalha por vários cantos do planeta seja o excesso de neve ou o excesso de calor, só para citar os que estão em pauta, é preciso sim tomar atitudes, fazer.
Algumas décadas atrás, os  "ecochatos" eram olhados com desdém. Acho que precisamos resgatá-los e incorporá-los na mesma ladainha do fechar torneiras, desligar luzes aparelhos de tomadas, levar sacola ao supermercado, andar mais a pé e deixar o carro em casa, reciclar o lixo e usar o lado bom da internet para pressionar governos sobre controle de poluentes, agrotóxicos, incentivos à energia solar para as casas.
Há muitas pequenas coisas possíveis de serem feitas e há grandes coisas que podem dar mais trabalho, mas ainda assim vale a pena tentar.

12 comentários:

✿ chica disse...

E como vale! E todos podemos, a começar por nossas casas! beijos,chica

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Ana Paula
Agora, a gente acredita no que diziam... como vc nos disse...
tenho procurado minimizar tudo... é cada um fazendo a sua parte...
Bjm fraterno

lis disse...

Concordo com tudo Ana
Aqui a chuva não chegou ainda _só promessa! mas o sol se foi envolvido em brumas _ lembra o outono que se Deus quiser chegará breve... é o que mais anseio,
não me acostumo com o verão, apesar de viver no País tropical com sol o ano inteiro _ e este verão está sendo hiper desconfortável,
Não posso negar os dias claros , bonitos , céus azuizinhos, nuvens gigantes e muito mar para se admirar ..só precisava mesmo de uns dias com aquela chuvinha fininha que refresca.
É pedir demais ou não? rsrs
Também endosso a volta dos 'ecochatos' _ é hora de economizar água e luz .
boa semana , abraços

Pandora disse...

Como não estamos em racionamento de água, aqui em casa chega água de 5 em 5 dias, há anos que racionamos água... E a cada ano o tempo de chegar água se torna maior, era um dia sim e um dia não, passou a dois, três, cinco dias... Tem lugares em Nova Descoberta quem nem chega. Acho que o ser humano de repente se esqueceu de sua fragilidade diante da natureza, nós deixamos a impressão de que somos caçadores e não caça se fixar em nós e vamos acaber sendo caçados pelo planeta.

Amara Mourige disse...

Começando por ai cada um fazendo a sua parte.Aqui as plantas e árvores estão ficando secas da pena de ver. Agora noite começou a cair uma chuvinha e o clima já ficou bem mais agradável!
Beijos
Amara

Bia Hain disse...

Oi, Ana!
Fiquei bem feliz quando a chuva chegou por aqui, o calor estava acabando com minha alegria e disposição.
Essas pequenas atitudes, tão simples e viáveis, podem trazer benefícios imensos para a coletividade a longo prazo. Ainda não entendo por quê é tão difícil para algumas pessoas, incorporá-lo.
Gosto demais desses galinhos do vento! :D
Um abraço!

Patricia disse...

Se cada um fizesse sua parte, seria excelente. Mas infelizmente a grande maioria só olha a grama do vizinho. : (
Enquanto um joga a culpa pro outro, cá estamos nós fazendo o possível para ajudar o nosso planeta e ensinando aos nossos filhos sobre como a sustentabilidade vale a pena!
Lixo aqui é separado, banho é rápido, água da máquina de lavar roupa é reaproveitada para limpar o chão e por aí vai.
Bjs e boa semana!!!

Tina Bau Couto disse...

Cada um, cada empresa, cada estado, cidade, bairro, condomínio, nas grandes e pequenas coisas. Além do discurso. É isso ai!

AMEI O GALO :)

Vania Lucia disse...

Como não fazer a nossa parte se fazemos parte de tudo isso.
Cada um de nós um grão de areia mas, juntos uma prais inteira...
Bjs

Moro em um Kinder Ovo disse...

A chuva ainda não chegou por aqui. Agora mesmo vejo o céu escuro, barulho de trovão, alguns raios. Mas a água que é boa só anda caindo no terreno do vizinho.

manofernandes disse...

Ana Paula, toda essa lista que você citou tem que ser praticada. Tempos atrás eu diria que estava feliz por ver muitas pessoas conscientizadas, e estão mesmo, mas o pessoal do "faturamento" é que não está querendo que a gente beba água ou tome banho daqui a algum tempo. Esse pessoal que foi para a mídia fazer e patrocinar as campanhas agora está arrependida porque a coisa estava dando certo. O pessoal deixando refrigerante de lado, usando sacolas reusáveis ( e o que o empresário vai fazer com o monte de Máquinas Injetoras de Plástico que existem e estão sendo fabricadas e vendidas, kkk!), e outros mais. Enfim, percebemos que não dá para acreditar sem que cada um cumpra a sua obrigação. Vamos fazer bem a nossa parte que quando faltar água para beber o pessoal vai fazer o mesmo que o Rei Midas. Vai beber "ouro".
Beijo,
Manoel - Blog do Óbvio

Eliete Miranda disse...

Ana... lendo os seus textos.. levei um susto... você escreve tudo que eu penso mas não sei escrever...

Parabéns suas reflexões expressam cidadania com muita poesia.

Um abraço.