domingo, 7 de setembro de 2014

Pátria amada

"Como é a minha terra? Ah, minha terra é como uma moça muito bonita mas, com o vestido rasgado".

Foi com esta frase ( citação de um filme sobre imigração japonesa ) que a Prof. Nair fez a abertura do Projeto Mil Culturas na escola de minha filha.
Comemorando de maneira não-convencional a Semana da Pátria, o projeto recebe este nome para apresentar os vários "brasis"dentro do nosso Brasil, tão vasto, tão belo, tão colorido e sim com o vestido rasgado.
De maneira grandiosa e envolvente, o recado e o convite é um só: vamos trocar esse vestido!
Brasil Caboclo, Brasil Crioulo, Brasil Sertanejo, Brasil Caipira, Brasil Sulino.
Vem comigo! As cortinas estão abertas para vocês!




Tantas cores, tantas faces, toda essa mistura é o nosso Brasil.


Prof. Nair: quando a História deixa os livros e vêm para o palco.


O palco


O Brasil Indígena




 O Tempo e o Vento


A Moreninha


O surpreendente final!

Alunos, professores, funcionários tornam esse projeto especial.
Tão lindo, tão rico nosso Brasil. Amá-lo é ajudá-lo a trocar o vestido rasgado.
Somos independentes, avante então!







16 comentários:

Cristiane Marino disse...

Oi Ana Paula, que projeto lindo….fico feliz por saber que seus filhos estudam numa escola com esse perfil afinado com o humanismo, tão necessário na educação e formação de novos cidadãos.
As fotos estão lindas.
Bjs e ótimo final de semana

✿ chica disse...

Maravilhoso esse projeto e adorei a frase inicial, dita pela Prof.Nair!

Bela maneira de festejar e canta o Brasil que é tão lindo, grande, mas anda com o vestido rasgado e joelhos esfolados... beijos, adorei aqui e lá no Insta! chica

Rafaella disse...

Que lindo... Amei o projeto e mais ainda a escola por ter feito isso :)
Parabéns!
Bjs

Graziela disse...

Que maravilha deve ser vivenciar e ver tudo isso ao vivo e a cores.
Adorei. Viva a diversidade, o humanismo e o respeito.
Abracos
Gra'

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Ana Paula
Um super projeto pois as crianças hoje têm a alegria de poder ver a realidade do Brasil sem tapeações... como ocorreu comigo ou com quem é da minha geração...
Um Brasil bem brasileiro... de verdade... e lindo!!!
Muito obrigada por ter aceito o meu convite para ser Jardineira das Causas Justas... Deus lhe abençoe!!!
Bjm fraterno

JAN disse...

Oi Ana Paula!
Nunca tinha visto algo tão amorosamente patriótico.
Amei essa escola e esse Projeto! Fiquei entusiasmada! E, vamos lá:
"Amá-lo é ajudá-lo a trocar o vestido rasgado."

Abração
Jan

Tina Bau Couto disse...

Amei!
Amei!
Amei!
O projeto, a intenção, a frase inicial da pró Nair, a carinha da pró Nair, as arteirices, as fotos, acompanhar pelo insta...
OBRIGADA!

Pandora disse...

Projetistas, projetos e realizações assim me fazem renovar as esperanças de que é possível viver um país melhor, um dia!!!

Calu B. disse...

Ana,
estou aqui na platéia aplaudindo e me nutrindo deste maravilhoso projeto...saudades compridas de minhas vivências na escola, de dias assim onde todos congraçam um bem maior alicerçado em conhecimentos e trocas férteis.
Imagino a emoção de todos nesta atividade gloriosa:D

Obrigada por compartilhá-la.
Bjinhus e boa semana.
Calu

Vania Lucia disse...

Concordo. Só aprendendo a amar nosso Brasil poderemos trocar-lhe o vestido que afinal, fomos nós mesmos que o rasgamos...
Bjs

Moro em um Kinder Ovo disse...

Como eu tenho esperança nesta geração... A minha geração já ajudou a remendar os panos achando que durava mais uns anos... Já colocamos o homem lá e já tiramos o homem de lá... fomos às ruas... pintamos as caras... já denunciamos... já pagamos os impostos... E o que recebemos em troca? Mais uma denúncia de corrupção e os mosquitos apenas mudaram de lugar porque são os mesmos de sempre.
Tomara que os seus filhos possam sair de braços dados com esta moça bonita, de vestido lindo e limpo.

Luma Rosa disse...

Oi, Ana Paula!
Fiquei fã da escola da sua filha, da professora Nair e do Projeto Mil Culturas!
O Brasil está precisando de roupas novas!
:)
Beijus,

Luma Rosa disse...

Oi, Ana Paula!
Fiquei fã da escola da sua filha, da professora Nair e do Projeto Mil Culturas!
O Brasil está precisando de roupas novas!
:)
Beijus,

Nair Pinheiro disse...

Ana Paula, fiquei profundamente emocionada pela maneira carinhosa e didática como você viu e sentiu como nós procuramos transmitir a cultura e nosso amor pelo Brasil. Nossos alunos merecem a nossa dedicação.

lis disse...

oi Ana
Que o trabalho dos professores cale no coração dos jovens que é a esperança de trocar o vestido rasgado por outro mais limpo mais honesto mais justo e feliz.
Muito lindo _ salve os professores!
Que sejam recompensados de todas as formas,porque merecem!
um abraço

A Menina das Ideias disse...

Eu gostei do projeto. Não estava lá para dizer com certeza, mas me pareceu quase como um projeto de extensão da universidade. Pensar em si mesmo como alguém plural é extremamente importante, mas pensar o coletivo dessa forma é ainda mais necessário. Parabéns para a organização do projeto. um abraço.